Brasília (DF), 22/05/2019 - Direitos Humanos - Comissão de Minorias e Direitos Humanos da Câmara dos Deputados, Ministra dos Direitos Humanos, Danares Alves. (Foto: Jorge William / Agência O Globo)


“Apologia ao crime” diz ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Na última quinta-feira (19), a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, encaminhou uma denuncia contra uma revista feminista chamada AzMina que explica quais os passos para uma mulher fazer um aborto.PUBLICIDADE

– Já encaminhei a denúncia às autoridades competentes. Esperamos uma resposta rápida. Liberdade de expressão é uma coisa. Isso aí é apologia ao crime e pode matar meninas e mulheres – disse a ministra.

O texto chamado “Como é feito um aborto seguro?” foi publicado na revista na última quarta-feira (18) pela jornalista Helena Bertho mostrando o “protocolo recomendado pela OMS para o aborto” utilizando uma determinada marca de remédio.