Fotos e vídeos do Colégio Estadual Presidente Abraham Lincoln, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, viralizaram nas redes sociais nesta quarta (13). As imagens mostram uma foto dao presidente Jair Bolsonaro em cima de uma lata de lixo.  O caso foi parar na polícia. Alguns pais, indignados, chegaram a ir na polícia fazer boletim de ocorrência sobre o caso. Alguns defendem que a direção da escola seja afastada, mas em nota, a Secretaria de Estado de Educação (SEED), afirmou que foi uma manifestação isolada de um grupo de alunos. 

A psicóloga Marisa Lobo, que é presidente estadual do Avante, informou que já abriu um processo criminal contra a direção da escola baseada no artigo 328 do Código Penal, que penaliza quaisquer atos que ofendam a honra do presidente da República, através de escrito ou desenho, com pena de prisão seis meses a três anos ou multa não inferior a 60 dias.

Veja a nota da SEED na íntegra:

“A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte esclarece que o episódio se tratou de uma manifestação isolada de um grupo de alunos durante uma atividade da disciplina de Arte e não uma atividade pedagógica direcionada pela escola”